Archive for Outubro 2013

10/30/2013 0

Dilema fora de casa

By Almi Junior


Havia um espaço
Entre a porta
E a calçada
Era como se ficasse encravada em mim
A ideia
De que eu nunca saberia
Se deveria descer
Ou permanecer

Ouvia o sinal
Vai descer, moço?
Decide logo

As pessoas não tem saco
Pros meus diálogos comigo mesmo
Estão muito ocupados
Estão todos atrasados
O olho sempre no relógio
E o outro olho atravessado
Em mim
Que não sei se desço
Ou fico

Na verdade
Estão todos
Esperando que eu responda
Estão todos com medo
De cair no vão

Sabem que é sempre um poeta
Que toma essa decisão

10/16/2013 0

Verso interminável

By Almi Junior

Um verso da cor
Dos seus olhos
Veio em forma de 
Espelho do céu
Dentro da minha atenção

Por alguns segundos
O verso ficou bem diante dos meus olhos
Como um feitiço
Um sonho suspenso no ar
Verso com cheiro
De pele sua

Um verso do tamanho
Da rua
Um verso virado
De esquina
Um verso com jeito
De menina

Um verso
Que não tem rima
Que não
Termina

Mais acessados

Ocorreu um erro neste gadget

Blogroll

About

Blogger templates

Blogger news