Archive for 05/07/12

5/07/2012 1

Eterno precipício

By Almi Junior



Me vi diante o precipício
E saltei
Para apagar qualquer resquício
Que eu deixei
Em teu colo de nuvem eu caí
Teu perfume me aprisiona os sentidos
Tuas mãos deitam nas minhas
Eu não consigo sair
Tua voz me aprisiona os ouvidos
Não sei se acordo
Ou me ponho a dormir
Se é tudo sonho
Ou uma realidade da qual devo sumir
Depois já não há escolha
Nem pensamento
Pensa a mente ter vontades
Mas qualquer movimento
Compromete
Depois não existem decisões
E as contradições
Se encontram
Abro os olhos lentamente
E me deparo com o precipício
Meus pensamentos se confrontam
Meu coração reclama do que sente
Mas eu sorrio um sorriso meu
E salto outra vez


Mais acessados

Ocorreu um erro neste gadget

Blogroll

About

Blogger templates

Blogger news