Archive for 11/22/09

11/22/2009 1

Lágrimasangue

By Almi Junior

Ele para o tanque e desce.
Ao ver tua linda mulher e tua filha
uma dor incalculável em seu coração chagado cresce.
Em teu peito, uma festa de horrores
e teu olhar lacrimejado brilha.
Um andar cansado e arrastado, por muitas mortes
e muitas dores.
Ele cai,
não caminha.
Elas caminham até o homem sobrevivente.
A filha o abraça com toda ânsia que tinha
e o mesmo sangue que mancha tuas roupas perfumadas
cai no saudoso solo quente.
O mesmo solo em que plantara tuas árvores, que se estivessem ali
estariam carregadas
de lembranças de um dia sem fogo saindo dos canos
caminhando na praia com tuas amadas
apenas um sol ardente
jogando ao ar cantigas de muitos anos.
Depois, a mulher
com a tristeza tremula nos olhos azuis
correndo no rosto fino
a ultima lágrima de luz.
Correndo no rosto marcado
a lágrima com o peso da cruz.
E por fim, a bênção
o beijo seco mais precioso do mundo.
Ela acaricia teu rosto ferido,
sem dar muita importância,
agarrada ao uniforme imundo.
Só tem na mente a lembrança
de um guerreiro feito de esperança,
que foi tolo,
por acreditar que na guerra há triunfo.

Mais acessados

Ocorreu um erro neste gadget

Blogroll

About

Blogger templates

Blogger news